05 abril 2010

Lindo...!

"À Direcção do Público
Sra. Directora

Prosseguindo a sua interessantíssima agenda jornalística, o Público regressa, de novo, ao final da década de 80, há mais de vinte anos, e aos projectos de minha autoria na Câmara Municipal da Guarda.
Reafirmo o que já várias vezes respondi ao Público: os projectos que refere na edição de hoje são da minha responsabilidade, foram elaborados a pedido de amigos e sem que eu tenha auferido qualquer tipo de remuneração. Repito: sem auferir qualquer remuneração, em conformidade, portanto, com as normas legais de exclusividade em vigor.
Aproveito ainda para esclarecer que sempre cumpri todos os meus deveres e exigências profissionais, mesmo em caso de divergências ou discordâncias, que são próprias desta actividade, com as entidades administrativas competentes na apreciação e aprovação de projectos.
Reitero o convite que já há dois anos fiz ao Público: este é talvez o momento para revisitarem as décadas de 70 e 60, período da minha juventude, onde não deixarão de encontrar uma qualquer história que, à luz dos vossos exigentíssimos critérios, vos permita continuar a fazer manchetes como a de hoje, que só confirma a opção do Público por uma linha editorial que desistiu da ambição de um jornalismo de referência.
Cumprimentos
Lisboa, 5 de Abril de 2010

José Sócrates"

9 comentários:

Ferreira-Pinto disse...

Eu não diria o "Público", mas lá que o Cerejo deve adormecer e acordar a pensar e sonhar com o Sócrates ... parece!

Haja paciência. E duma vez por todas assumam-se, caralho!
Querem correr com ele, digam.

Rui Figueiredo Vieira disse...

É de mais não é??!!! Até já mete nojo!

Compadre Alentejano disse...

Admira-me como é que o Sócrates, fazedor de projectos de engenharia de merda, como todos nós sabemos, chega a presidente do Conselho de Ministros!...
É bom, salutar até para os mais jovens, saber o percurso deste indivíduo, formado no aparelho socialista!
Pior, não era possível encontrar em terras lusas...
Compadre Alentejano

Rui Figueiredo Vieira disse...

Pronto...o homem teve algumas dificuldades a tirar o curso...! Não tem grande jeito para engenheiro...digo eu com os nervos! :-)

pedro oliveira disse...

Só compra o público quem quer.A embirração do público com Sócrates é a mesma de Sócrates para com o público, esta resposta é disso prova.Tuguices...

António de Almeida disse...

Caramba, o homem está cheio de amigos, fez uns 20 projectos sem receber dinheiro. Todos precisamos de amigos assim... :D

Celina disse...

Oh mas não podem negar que a resposta está de mestre! Eu gosto dele, o moço tem piada ;D

Rui Figueiredo Vieira disse...

É o altruismo a falar mais alto meus amigos! E de facto...o homem deu uma boa resposta!

Tite disse...

Eu se fosse ao homem também acharia o Público, o Sol, os Moniz e o Crespo totalmente abirritantes. Apre!!!!!!
Até já eu fico cansada quanto mais o homem!!!!