31 março 2010

Inpector Nunes legal!

A ASAE fez, a dada altura, as delícias dos que dedicam boa parte da sua vida a só vislumbrar o rosto do demo nos últimos anos da governação. É evidente que o estilo de actuação inicial e alguma ortodoxia também ajudaram. Contudo, o Tribunal Constitucional acaba de desferir o golpe de misericórdia nos que a dada altura faziam carreira com a ilegalidade daquele organismo. Fica, pois, a nota: a ASAE é legal e pode constituir suspeitos de crimes como arguidos, fazer a sua detenção e aplicar-lhes medidas de coacção. E, aqui entre nós, alguns bem precisam desta mão inclemente!

12 comentários:

Joaninha disse...

Eu conheço uns quantos...

Aquele abraço Senhor Dr.

Ferreira-Pinto disse...

"Moi aussi", Dra. Joaninha!

António de Almeida disse...

Mas a ASAE está com outra postura, as suas acções deixaram de apostar no mediatismo, provavelmente até serão mais eficazes agora. Repare que deixaram de ser notícia e ainda bem...

Ferreira-Pinto disse...

De acordo, António de Almeida. Fico com a dúvida se a postura inicial fazia parte de uma estratégia tipo "ponha tudo na ordem, porque senão ..." ou se foi mesmo só propaganda barata!

Francisco Clamote disse...

Também alinho nessa.

pedro oliveira disse...

Em Portugal é tudo legau!...

Daniel Santos disse...

tens toda a razão... alguns não querem ser inocentes, querem é remover o fiscalizador.

Fada do Bosque disse...

Não funciona com os governantes, os ex governantes e acólitos?! e os acólitos?!
Mas esses, precisavam era das FP 25!
Esses não era com a ASAE!

Ferreira-Pinto disse...

Ainda bem, Francisco Clamote, já que aquele é um organismo com grande relevância e interesse.

Ferreira-Pinto disse...

Nem tudo, nem tudo pedro oliveira!

Ferreira-Pinto disse...

Bem visto, Daniel!

Ferreira-Pinto disse...

E tu a dar-lhe com esses, Fada!